Noticias Vale do Itajai

Você Informado Sempre!

Segurança

Apreensão de armas de fogo cresceu 28% em 2023

O número de apreensões de armas de fogo cresceu 28% em 2023 comparado ao ano anterior. Foram mais de 10,9 mil armas apreendidas ano passado e pouco mais de 8,4 mil, em 2022. Os números foram divulgados nesta quarta-feira (19) pelo Ministério da Justiça.

Nos 16 meses da gestão atual foram apreendidas no total mais de 13,3 mil armas. O Rio de Janeiro foi o estado com o maior número de apreensões, seguido por Paraná, Amazonas e Rio Grande do Sul.

Para a Secretaria Nacional de Segurança Pública, esse é o resultado de uma maior fiscalização e do aumento das operações da Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal.

Cabe lembrar que de acordo com pesquisas da ONG Sou da Paz, as mulheres, pretos e pardos são as principais vítimas de mortes por armas de fogo, com 2,2 mil mulheres assassinadas por arma de fogo por ano, na média desde 2012.

E a chance de um homem negro ser morto por arma de fogo é 3,5 vezes maior de acordo com levantamento da ONG em 2020. A ONG também estima que há cerca de dois milhões de armas legalizadas no país.

Há uma campanha permanente do ministério da Justiça de desarmamento, em que a pessoa pode entregar de forma segura sua arma, para cadastro o site é desarma.mj.gov.br . Mais informações podem ser consultadas pelo e-mail [email protected] ou através do telefone (61) 2025-9078.

Segurança São Paulo 19/06/2024 – 14:05 Ana Lúcia Caldas / Fran de Paula Nelson Lin – repórter da Rádio Nacional Apreensão de Armas Desarmamento quarta-feira, 19 Junho, 2024 – 14:05 99:00

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *