Noticias Vale do Itajai

Você Informado Sempre!

Educação

UnB aprova novo calendário acadêmico com reposição das aulas após greve; veja datas

Primeiro semestre terá 58 dias de reposição e segue até 21 de setembro. Segundo semestre começa em outubro de 2024 e vai até fevereiro de 2025. Técnicos-administrativos continuam em greve. Universidade de Brasília, campus Darcy Ribeiro
Isa Lima/Secom UnB
A Universidade de Brasília (UnB) aprovou, na tarde desta quinta-feira (27), o novo calendário acadêmico para o primeiro e segundo semestre de 2024 (veja mais abaixo)📅. Os professores da instituição ficaram 67 dias de greve e as aulas retornaram na quarta (26).
Na reunião do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe) da UnB, ficou decidido que os alunos terão 58 dias de reposição de aulas.
Veja como ficou calendário aprovado
📅1º semestre de 2024: termina no dia 21 de setembro
📅Férias: 22 de setembro a 13 de outubro
📅2º semestre de 2024: Começa em 14 de outubro e termina em 22 de fevereiro de 2025.
✅ Clique aqui para seguir o canal do g1 DF no WhatsApp.
Em assembleia nesta quinta, os técnicos-administrativos da universidade resolveram continuar com a paralisação. Nova reunião acontece na segunda-feira (1°) (saiba mais abaixo).
Calendário
O novo calendário acadêmico foi aprovado, com 33 votos favoráveis e 4 abstenções, durante a reunião do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe) da UnB. Na proposta, o Decanato de Ensino de Graduação apontou que as mudanças visam atender as necessidades técnicas
A proposta aponta ainda o cancelamento do semestre de verão de 2025.
Greve dos técnicos continua
Reunião de técnicos da UnB.
Reprodução/TV Globo
A greve dos técnico-administrativos começou no dia 11 de março. A categoria realizou uma assembleia na manhã desta quinta e decidiu dar continuidade ao ato. Uma nova assembleia será realizada na manhã de segunda-feira (1°).
No último sábado (22), professores da rede de ensino básico e técnico aceitaram a proposta do governo e decidiram suspender a greve nacional nos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia (IFs). No dia seguinte, docentes das demais universidades federais também decidiram encerrar a greve.
Se as entidades assinarem o Termo de Acordo com o governo, previsto para esta quinta, a orientação do Comando Nacional de Greve (CNG) é que a nova assembleia dos técnicos decida pelo retorno unificado ao trabalho na terça-feira (2).
Aulas são retomadas na UnB
LEIA TAMBÉM:
FIM DA GREVE: Termina greve dos professores da UnB; aulas retornam em 26 de junho
PARALISAÇÃO NACIONAL: Professores de ensino básico e técnico de instituições federais aceitam proposta e anunciam suspensão de greve
Leia mais notícias sobre a região no g1 DF.

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *